• denuncias
  • peticionamento
  • protocolo
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • lgpd
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
    • CADASTRO REGIONAL DE ÓRGÃOS E ENTIDADES DO MPT-MS 2
    • Banner Site - Abril verde - 2024
    • Banner Labor
    • Plantao

    MPT-MS capacita servidores da assistência social e firma parcerias institucionais com municípios da fronteira sul para acolhimento de resgatados do trabalho escravo contemporâneo

    A iniciativa realizada em Amambai, Coronel Sapucaia e Paranhos busca não apenas melhorar a resposta imediata às situações de trabalho análogo à escravidão, mas também criar uma rede de colaboração interinstitucional robusta, essencial para o enfrentamento deste problema histórico e profundamente enraizado na cultura do estado

    24/05/2024 - Cansados, desorientados, perdidos em relação ao futuro. Esse é o cenário psicossocial de quem sobreviveu durante meses, até mesmo anos, em condições degradantes de trabalho, longe do apoio, da vigilância e de qualquer ajuda que poderia ter aliviado seu sofrimento. Esses trabalhadores, submetidos a um regime de exploração análogo à escravidão, muitas vezes se sentem menos que humanos, com suas identidades corroídas pelo constante abuso. Eles são assombrados por traumas profundos, presos em um ciclo de desesperança e submissão, enraizado em suas próprias mentes. Em outro contexto, há também aqueles que, tendo herdado a escravidão dos seus antepassados e nascido nessa condição, sequer percebem que são escravos. Torna-se essencial, além do resgate físico, oferecer também o apoio psicológico, proporcionando-lhes o acompanhamento necessário para que possam reconstruir suas vidas com dignidade.

    Imprimir

    Inserção de pessoas com deficiência no mercado de trabalho exige mudança cultural

    Procuradora do Trabalho defende educação para superar visão capacitista

    Brasília (DF), 22/05/2024 - A inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho é um dever de toda sociedade e, de acordo com a procuradora do Trabalho Danielle Olivares Corrêa, a primeira barreira a ser quebrada é atitudinal. Coordenadora nacional de Promoção de Igualdade de Oportunidades (Coordigualdade) do Ministério Público do Trabalho (MPT), ela participou de audiência pública, na terça-feira (21), que debateu a empregabilidade e o mercado de trabalho para as pessoas com deficiência e defendeu a realização de campanhas de sensibilização e educação focadas na promoção de uma mudança cultural e na superação da visão capacitista que ainda perdura na sociedade.

    Imprimir

    MPT destinou R$ 22 milhões aos esforços de reconstrução do Estado

    Valores são oriundos da atuação do órgão em todo o Brasil desde o início da crise climática

    Brasília (DF), 17/05/2024 - Desde o início da crise climática que assola o Rio Grande do Sul, o MPT-RS já destinou R$ 22.011.610,43 em recursos oriundos de sua atuação para o auxílio emergencial às vítimas da enchente. As destinações foram enviadas de unidades do órgão em todo o Brasil, incluindo R$ 2,2 milhões endereçados pelo Comitê Gestor do dano Moral de Brumadinho. A destinação foi homologada pela Justiça nesta sexta-feira.

    Imprimir

    MPT participa de agenda na Câmara dos Deputados contra exploração sexual de crianças e adolescentes

    Sessão solene e seminário marcam semana de 18 de maio, Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes; MPT aderiu à Campanha do Faça Bonito

    Brasília (DF), 17/05/2024 - O Ministério Público do Trabalho esteve na Câmara dos Deputados e participou de dois eventos que marcam o dia 18 de maio, Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. A instituição foi representada pelo vice-coordenador nacional de Combate ao Trabalho Infantil e de Promoção e Defesa dos Direitos de Crianças e Adolescentes (Coordinfância) do MPT, André Canuto de Figueiredo Lima.

    Imprimir

    MPT-MS e Justiça do Trabalho revertem R$ 508 mil para auxílio às vítimas da calamidade pública no RS

    Valores são resultantes de atuação nos municípios de Corumbá e Três Lagoas

    16/05/2024 - Recentes decisões da Justiça do Trabalho em Mato Grosso do Sul, atendendo a pedidos formulados pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), culminaram na destinação de R$ 508 mil a fundos específicos, instituídos com o propósito de custear as ações humanitárias diante do estado de calamidade pública decretado no Rio Grande do Sul, devido ao elevado volume de chuvas, incluindo ocorrências de mortes, desaparecimentos e danos em pelo menos 449 municípios.

    Imprimir

    • banner pcdlegal
    • banner abnt
    • banner corrupcao
    • socioambiental
    • banner transparencia
    • banner radio
    • banner trabalholegal
    • Portal de Direitos Coletivos